Notícias

Senar leva capacitação em derivados do leite para Buriti do Tocantins

25/05/2022 12h14

Com objetivo de preparar profissionais para a preparação de alimentos derivados do leite, utilizando equipamentos, utensílios, instrumentos e controle de qualidade de produtos e de processos na indústria de alimentos, o Sistema FAET/SENAR realizou no município de Buriti do Tocantins, o curso de Trabalhador na Produção de Derivados do Leite. Durante uma semana, produtores e trabalhadores rurais da região aprenderam técnicas para atuar na produção desses alimentos para um mercado em crescimento e cada vez exigente.

Hoziel Pereira do Nascimento estava desempregado e viu no curso uma chance de conquistar uma vaga no mercado de trabalho e até mesmo empreender no ramo. “Eu vi esse curso como uma grande oportunidade em minha vida, estou sem trabalhar acho que de agora em diante, com um certificado do Senar nas mãos, a coisa vai mudar. Para o aluno do curso, enquanto não surgem empregos, com o que ele aprendeu já dá pra buscar uma renda pra família. Ele pretende fazer algumas produções caseiras e vender na cidade, porque acredita que a procura por derivados do leite tem crescido bastante.

O curso é uma alternativa de fonte de renda para o trabalhador e o pequeno produtor, conforme destacou a instrutora do Senar, Merilene Damasceno. Para ela, o curso oportuniza novos caminhos e dissemina técnicas que garantem mais qualidade e segurança sanitária para os consumidores. “Neste curso de derivados do leite, estamos repassando técnicas para a fabricação de queijo minas-frescal, minas-padrão, mussarela, iogurte e doce de leite pastoso”, explicou a instrutora. Ela acredita que caprichando na produção, os clientes vão surgir sem dificuldade.

Para a presidente do Sindicato Rural de Augustinópolis, Cássia Cayres, que responde pela região de Buriti do Tocantins, iniciativas como essa visam fomentar novas práticas no setor rural da região. Para ela, a região tem uma produção crescente de leite e, ao oportunizar capacitações como a que foi oferecida pelo Senar, o sindicato e com o apoio da prefeitura local, os produtores poderão agregar valor à produção, melhorando a os ganhos na atividade e gerando novas perspectivas de renda no campo. A presidente destacou que novos cursos e capacitações serão oferecidas ao longo do ano.